sexta-feira, 24 de junho de 2011

Orgulho nacional: Suspiria!

Suspiria, a obra máxima de Dario Argento de 1977! Visual tão assustadoramente rebuscado que os fãs passarão a eternidade em busca da cópia perfeita.

O santo graal de Suspiria! O buchicho pela web aumentou com o lançamento dele em Blue-Ray nos Estados Unidos de qualidade muito inferior ao que se esperava, ou já tinha saído em DVD ao redor do mundo.

Cores e áudio deturpados, muito diferentes do que já se conhecia desde seu lançamento nos cinemas. Pela Internet já tem admirador divulgando sua própria restauração, tentando encontrar superioridade à do disquinho azul!

No Brasil (zona 4), era inédito em VHS! Foi distribuído em DVD pela Dark Side (London Films) em 2003.

Duplo, tivemos uma das melhores edições do planeta! Um dos poucos a manter o audio em italiano, francês e inglês, sendo esta última língua em 2 e 6 canais.

Compare a qualidade da imagem abaixo:

Versão EUA(Zona 1)

Versão Itália (Zona 2)

Versão Brasil (Zona 4)


As duas primeiras capturas consegui no fórum DVDMania. A terceira inclui pelo Suspiria que tenho.

A nossa é mais semelhante ao norte americano, mas de qualidade superior. Não há machas, além dos contrastes e nitidez estarem mais equalizados.

Outra vantagem da versão brasileira são os extras. Compare também o conteúdo deles abaixo.

Extras edição argentina - Extras edição espanhola

Extras edição inglesa - Extras edição norte-americana

Extras edição brasileira

Só não temos o clip de Daemonia dos ingleses e americanos. Ao clicar em “O Mundo do Horror de Dario Argento” (Dario Argento: An Eye for Horror) pede que se coloque o segundo disco.

O inglês vem com este mesmo documentário de 2000, enquanto o yankee inclui o “Suspiria 25th Anniversary” de 2001. Até a arte da capa é muito parecida à edição especial inglesa (veja à direita), mas perdemos apenas em um ponto: Ela é tripla! A deles vem com um terceiro disco de áudio com a fantástica trilha sonora do grupo Goblin, mais um livreto.

Então onde se compra Suspiria do Brasil? Nãos e compra! A distribuidora fechou faz muito tempo.

Primeiro comercializado em bancas de jornal como encarte da saudosa revista Monstro, depois houve um verdadeiro derramamento de discos em pequenas lojas de DVD (que eu chamo carinhosamente de "moquifinhos"). Ainda é possível encontrar alguns Suspiria nelas e a preço de amendoim torradinho.

Quem ainda não tem dependerá da sorte e persistência... Creio que por este post está claro que valerá a sola de sapato gasta.

10 comentários:

Refer disse...

Esse post me lembra os velhos tempos do LP... as prensagens nacionais eram horrorosas e as importadas, além de caras, muito difíceis de se conseguir; o jeito era comprar a nacional para quebrar o galho e depois ficar economizando até juntar uma $$ e contar com a sorte para conseguir a importada. Era um sofrimento que vou te contar!
Hoje está tudo tão + fácil... crianças, aproveitem.

Miguel Andrade disse...

Refer, morro de falar isso! Galera não tem noção do quanto tudo é mais fácil hoje... E ficam perdendo tempo com besteira!

Mahal disse...

vc não sabe o quanto eu e meu namorido amamos os "moquifinhos"!!! boa parte da minha coleção de Vincent Price foi feita desse jeito, entrando em lojas de 1,99!!!

Miguel Andrade disse...

Mahal, dá pra encontrar muitas preciosidades em lugares assim.

Refer disse...

Quer um exemplo do que era conseguir boas cópias?
Em '66 saiu milagrosamente a edição nacional MONO do único LP de Crispian St Peters. Comprei e fiquei esperando a chance de arranjar a importada STEREO. Não rolou, o disco logo saiu de catálogo e sumiu. Sabe quando fui conseguir? Hoje. Acabei de receber email do meu dealer nos EUA dizendo que despachou o disco pra mim. Vinyl Fanatic 4Ever!

Crispian aqui:
http://www.youtube.com/watch?v=49JAFx-eRUs&feature=related

Miguel Andrade disse...

Refer, caçarola. Se contentar entre mono e stereo... STEREO!

lembro de ficar ligadinho ao que a Globo passava na madugadas pra poder gravar e ter em VHS. Só assim existia no Brasil a chance da gente ver Crepúsculo do Deuses, A Malvada, etc.

Tínhamos dublado ou nada! A Malvada possui mais de 2 horas. Precisávamos ficar espertos para mudar a velocidade da fita nos minutos finais.

Tá tudo de mão beijadíssima agora.

Cristiano Contreiras disse...

Eu nunca vi essa obra, acredita?

Acho interessante um ponto colocado no post: tenho aqui dvds do mesmo filme, diferentes edições, e noto como o tom de cores e a imagem muda, levemente, de um para o outro!

abs

Miguel Andrade disse...

Cristiano, dependendo do filme isso faz toda a diferença.

qualquergordotemblog disse...

Comprei um faz tempo a R$10,00 em um sebo, mas só veio o disco 1. Até hj não consegui achar os 2 DVDs

Miguel Andrade disse...

qualquergordo, o meu veio de uma lojinha mesmo. . Mas já encontrei o duplo aos montes em lojinhas do centrão de SP por 10 pratas.

Já vi em algumas bancas também. Gozado que o meu foi presente pq eu queria muito e não encontrava.

No mesmo dia, exatamente o mesmo, ganhei 2! De pessoas diferentes. rs

Related Posts with Thumbnails