terça-feira, 20 de junho de 2017

Preferências de Gilberto Braga nas suas novelas

 Explicar a importância de um autor de novela brasileiro para quem está com 20 anos, assim como para um gringo, pode ser difícil. Mas quem tem mais idade sabe que num período recente eles paravam o país escrevendo histórias rocambolescas na TV.

Gilberto Braga é um dos principais nomes, criador de uma galeria de personagens respeitáveis. Em especial suas vilãs, muito chiques à beira de um colapso conforme alterações no overnight (ok, isso também é algo bem antigo, né?).

O Canal Viva tem produzido uma série chamada Os Donos da História, onde cada episódio um autor relembra seus trabalhos. No episódio de GB temos algumas curiosidades como o fato de que sua escolha para Julia, a protagonista de Dancin Days (1978), ser Yoná Magalhães, mas teve que ficar com Sonia Braga, muito mais jovem do que imaginou.

Perguntado sobre qual sua vilã favorita, ele conta que é difícil escolher uma, mas das que Nathália Timberg fez, ele gosta bastante da Dona Idalina de A Força do Desejo (1999). A bruaca do Brasil colônia atazana a mocinha Ester, cortesã que ousou virar a cabeça de seu filho e neto.
"Foi à igreja afrontar Deus! Deus!!!"

De olhos fechados, a gente pensa em Gilberto Braga e logo lembra da implacável vilã Odete Roitman, a presidente da TCA. O autor conta que houve muita resistência a Vale Tudo (1988) quando apresentou a sinopse e a novela se tornou um dos maiores sucessos de todos os tempos.

Outra dificuldade foi convencer Daniel Filho a escalar Beatriz Segal para ser a Odete Roitman. Na época o principal nome da TV Globo na produção de novelas, Filho não via Segal como uma boa atriz.

Aliás, não vê. Gilberto Braga conta que ele, “muito teimoso”, continua insistindo que o que salvou ali foi o texto muito bom, não o trabalho da atriz.
Que tiro, Daniel! Que tiro!!!
Segal (fenomenal) havia trabalhado com maestria em pelo menos duas novelas de Gilberto Braga: Dancin Days, quando ainda se chamava Beatrix, e Água Viva (1981). Em ambas foi uma mãe da elite, super protetora, quase preqüels do que seria a “Dona Odete”.


 Ainda sobre suas preferências, sua novela favorita é Insensato Coração (2011)! Braga desafia que alguém lhe apresentem um capítulo que o faça sentir vergonha, ao contrário de Dancin Days e Vale Tudo, que segundo ele, o público só guarda coisas boas.

Para quem não lembra, Insensato Coração é aquela que teve Paolla Oliveira e Eriberto Leão como casal romântico às voltas com o vilão de Gabriel Braga Nunes. A série Os Donos Da História é exibida aos domingos ás 18h30, depois de irem ao ar os episódios ficam disponíveis no Net Now e serviços de streaming Globosat como o Viva Play.

Veja também:
Gilberto Braga e as Bibis
Figurinos repetidos e uma memória prodigiosa
Dancin’ Days: A atriz que não estava lá
Quando a maconha estreou no horário nobre
Valia tudo nos dias dançantes
Lídia Brondi sabia escolher as amizades
Vale Tudo sempre!

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails