segunda-feira, 26 de setembro de 2005

A Guerra dos Roses



Wow!!! E quando digo que minha vida é uma chanchada, daquelas com favela carioca de papelão atrás e tudo, ninguém acredita, né? Certo mesmo foi meu primo: "Briga de cinéfilo é assim mesmo, descamba pra conversa de comadre..." Trufas! Na bucha me cheirou de cara a roteiro chulé tipo Michel Bay, mas felizmente era Almodóvar puro. Começou naquele rebu, e terminou em frente a uma lareira, na maior calmaria, tomando champanhe, trocando confidências. Acaso mesmo foi Come Bolacha, Graziela! estar indiretamente ligado. Meias verdades ou não, sempre dá pra pensar mais nisso ou naquilo. E Deus do céu, que coments engraçados aquele post gerou, não é? Nem dá pra tirar. Ah, e o Brett que criou comunidade e tudo no orkut para o Come Bolacha, Graziela!? Tá? Tá? Entra lá! Até a Graziela em si (propriamente dita), a Viviane Briccia, deu as caras. Casou, tá linda, lôra e japonesa, morando longe pra chuchu. E sabia que nunca mais a vi desde o último dia de gravação? Nem tampouco a conhecia antes do primeiro dia!!! Ela foi pra lá de fofa ao aceitar o convite de última hora, depois de uma outra dar furo. E não se poderia ter conseguido uma Graziela melhor. Com uma frase apenas de texto, sem entender lhufas das cenas sendo feitas fora de ordem, ela relaxou e ficou com ar blasé, no meio de um monte de gente absolutamente desconhecida, vestida de forma absurda. E não há postura mais Graziela de ser que exatamente isso. Não viu o trailer ainda? Clica aqui ou ali ao lado. Agora tô batalhando para conseguir da melhor maneira possível uma versão em DVD, com extras etc. Enquanto isso, dá pra ir se falando até pelo orkut, e discutindo da melhor maneira possível o próximo projeto da Big Wig Arts, com sexo e violência na terceira idade, ao som do Cauby; afinal, tem horas que só ele nos conforta! E no trailer, clica no botão "sobre" que tem o nome de todos os envolvidos no antigo projeto. Antes que alguém realmente apareça empunhando uma legítima Hattori Hanzo!


[Ouvindo: O Sole Mio/It's Now Or Never - Christopher Lee]

domingo, 18 de setembro de 2005

quem não chora não mama!!??





sabe foi um tempo que as pessoas antes de julgar olhavam para o julgado.bom quero dizer n que deixe de ter impunidade neste pais ou outra instituição.escória??não acho que não por que a curiosidade gera conhecimento,como em linux e unix e até na vida.,pensou se todos nós fossemos covardes de não tentar??nunca!!! nem teriamos liberdade de expressão ou auto-conhecimento.na medicina ou em tecnologia nem se fala,o engraçado que o cachorro em questão já deu de alimentar a mão que o morde agora!!o cachorro fez um filme acontecer embaixo de muitas risadas e contratempos,foi ameaçado de assalto,tentou comprar equipamentos com dinheiro escondido,o cão nunca julgou as opções do amigo,pelo contrario nunca colocou em questão a sua sexualidade que é um absurdo ou falta de imaginação!!a escória fazia questão de visitar e pagar certas vontades,a escória chamava para sair e mostrava coisas.mas o cachorro sarnento assim chamado pela falta de cavalherismo do assim prejudicado recorre a certas pessoas para ameaçar e ajudar em momentos que só ele que diz "honro o que tenho nas minhas pernas"poderia revolver!"covarde"??acho que não amigo. eu resolveria mano a mano só eu e vc!!não com ameaças.punição ??todos sempre terão,veja a merda que está esse pais,e acha que o umbigo gira em torno de si?acha que foi o unico?falta que fazer não,eu acho que queria sua atenção para algo bem maior, e vc não entendeu!!mandou o e-mail perguntando o ???não o orgulho não deixa,e seu diretor citado robert rodrigues é fã de george lucas.é o criador do filme de idiotas,ele ficou dias vendo as cameras que lucas mandou desenvolver na sony,ficou tão bobo que só faz filme digital,interessante que admiração não venha só da obra + da idéia de fazer som digital thx e cameras que dispensam 35mm,a camera digital não perde o foco nunca,isso que é foda para o cinema,e não precisa revelar,tudo do dia vai em uma maleta.incrivel para o sr dos filmes idiotas!!!ah!!! que o cachorro respeitou seu tim burton com uma dor no coração de invadir isso vc não diz???e vc chegou num ponto certo,é só um maldito blog,vc deve se preocupar com outar coisas,acho que vc é maior que isso não???é só tenha respeito como não falar mal de mim para conhecidos como vc estava fazendo e olha a boca,por que uma segunda vez não iria acontecer, eu disse que ia devolver e ia dar seu msn de novo e vc cuspiu na minha cara!!!vc me ameaçou de violencia fisica é isso que quer??faça que achar melhor eu estou afim de parar se vc respeitar a minha pessoa,depende de vc!!"amigo"(sou totalmente louco e vou até o inferno se assim desejar!!vou esperar a punição então antes de dar outro passo,se me pegarem como sempre acontece de ter pessoas + inteligentes que eu ou vc vou pagar ,depois de sair vou atras até o limite,ou se quiser resolver com paz vc sabe meu e-mail...ou vá contar de novo a diretora que comeram seu lanche,perdeu no bafo e cortaram sua pipa...

Postado por: #@#@#




[Ouvindo: rogério skylab::::eu fico nervoso]

terça-feira, 13 de setembro de 2005

Matrix Reloaded


E salve nossa senhora da informática! Depois de quase uma década, só agora sinto que Come Bolacha, Graziela!, aquele curta dirigido por mim, está finalmente pronto, ou pelo menos o mais próximo do idealizado originalmente. Pude passar dias e noites no material (TODO, inclusive o roteiro original) digitalizado. E que delícia brincar de Robert Rodriguez!!! É uma música aqui, um efeito sonoro beeeeeem discreto ali, menos tempo acolá e pronto! Um filme novinho em folha e muito mais ágil e com melhor acabamento, do que o visto no Espaço Unibanco em 1996 durante o 6º Mix Brasil. Com uma máquina possante e muito mais tecnologia à disposição, até que nem levou tanto tempo assim, e perto do que estava, como diria um dos personagens: "Dio, Mio!!!". Hoje rejeito em absoluto a primeira edição, paga a preço exorbitante e feita no piloto automático. A qualidade não só da totalmente nova edição, mas também de áudio e imagem me fizeram reacender uma certa chama. Nem mais a fotografia amarelada tipo Chaves há! Com quase cinco minutos a menos de "gorduras", agora todo o destaque fica no roteiro em si, e claro nas absurdas interpretações. E que vontade de sair mostrando pra todo mundo! Pra começo de conversa, se você clicar aqui, assiste a um teaser trailer, e na imagem deste post ganha um exclusivo wallpaper publicitário do cosmético preferido da tia Pepita!

***


A idéia do roteiro surgiu numa daquelas noitadas, em um bar pra bolachas sorocabanas, e não dava pra ficar só nas risadas. Passei praticamente uma noite em claro na Praça Anchieta de Itapeva, junto ao amigo Rodrigo Moura (co-autor do projeto), destilando o mais puro veneno contra tudo e todos que nos incomodavam na época. E em outras com certeza! Nunca nossa idéia foi fazer um Cidadão Kane. Era só pra juntar um povo legal, rir e ponto. Amador no sentido original da palavra. Tanto é que do dia em que foi DATILOGRAFADO ao dia do primeiro "rodando" não lembro o que aconteceu, nem como decidimos que seria neste ou naquele dia. Mágico assim mesmo. Aliás, sabíamos também da pérola trash que estávamos gerando, e que até por isso, a estética e linguagem usada seriam as das telenovelas da TV brasileira, inclusive o tosco sotaque italiano. De qualquer forma, acho que só depois de assistido algumas vezes se consegue absorver todas as referências pops ali inseridas. São personagens vivendo de maneira analógica e atemporal. Mas o mais bacana é justamente o rumo que os atores deram a cada um deles. Fiquei absolutamente fã de alguns, que mesmo sem terem feito nada daquilo antes, (e infelizmente depois) se saem hilariantemente brilhantes. Triste pensar que talvez o melhor deles, a Mamma, nem está mais entre nós... O que pelo menos poupa o mundo de um novo episódio, né?


[Ouvindo: A Martini For Mancini - Joey Altruda and His Cocktails Crew]

segunda-feira, 5 de setembro de 2005

A Coisa


E você acredita que nem me incomodou ter sido tirado do ar porque um saco de merda qualquer assim o quis? Sabe porquê? Primeiro, um blog é só um blog, um domínio é só um domínio. Sim, mantido a duras penas por mais de três anos, mas mesmo assim, nada mais que um blog. Muitas vezes não morreu às custas de muito sacrifício (e você não imagina quanto) para que volta e meia tenha algo novo por aqui. Mesmo assim, sempre poderia arrumar outro trocadalho do carilho para juntar a “blogspot.com” e começar do zero. Meu caro, benzadeus boas idéias e verdadeiros amigos nunca me faltaram. Nesse tempo todo não foram poucas as vezes em que fui chupado (no mau sentido da palavra), copiado em pequenos detalhes, etc, mas quem vem aqui volta e meia já notou que isso também não me incomoda. Chegará um dia em que estarei igual a tantos outros, e provavelmente a todos, com terra bem vermelha sobre meu corpo. Só aí será tarde para surgir qualquer outra idéia, qualquer outra ação. E muitas delas também estarão sob a terra, e como só elas eu levarei pra lá, tenho verdadeiro apreço por cultivá-las. Mas o que me deixou cabreiro, puto, enraivecido, e extremamente deprimido, foi o fato de haver em contrapartida um escroto medíocre daquele quilate. E incompetente o suficiente, que provavelmente não deve valer uma remela daquele cão sarnento ali da esquina, convivendo no mesmo planeta e o pior de tudo, já deve ter convivido comigo. E é cada vez mais difícil nos proteger deste rebotalho em nosso dia-a-dia, já notou? Acrescente naquela listinha dada no post anterior, onde dizia que não admito ser chamado de mentiroso ou ladrão, o item “covarde”. Entre minhas pernas há algo muito bem valorizado. Sou macho pra caralho a fim de SEMPRE assumir meus atos. Queria ver o lord do estrume vir ser bonzão diante de mim!!! Imagina a cara da merda ambulante, pulha o suficiente pra ver um filme tosco, se achar o cara e ao invés de ir fazer qualquer coisa produtiva, entra na Internet pra encher o saco de quem nem faz parte de sua triste escória. Dá pra imaginar? Agora vamos todos aplaudir a postura do Blogger gringo que não só resolveu prontamente tudo como rastreou e buscará uma punição ao nosso “amiguinho” fã de Darth Vader! Será que agora ele vai ser poderoso mesmo? Hã? E confirmou, né? Só os realmente idiotas gostam de Star Wars!!!


[Ouvindo: Suck It To Me - Almodóvar e McNamara]
Related Posts with Thumbnails